Bolsa de Investigação

Publicado 17 Maio 2019

Universidade de Coimbra

Lisboa (Educação / Formação)


A Universidade de Coimbra abre concurso para atribuição de uma bolsa de investigação, no âmbito do projeto "MobiWise: from Mobile Sensing to Mobility Advising", com as seguintes características:

N.º de bolsas: uma.


Tipo de Atividade: Pretende-se que o bolseiro adquira competências em segurança de redes para IACS (Industrial Automation and Control Systems) e ambientes IoT (incluindo smart grids) e aprenda a desenvolver uma arquitetura híbrida de deteção de intrusões, suportada por um conjunto de agentes heterogéneos, tais como componentes de deteção de intrusões de rede e de sistema, componentes de análise de anomalias ou outros componentes de recolha de evidências para efeitos de análise de segurança.


Plano de Trabalhos (6 meses)

  • Familiarização com o estado da arte (4 semanas).
  • Familiarização com a plataforma de segurança já existente (4 semanas);
  • Análise da testbed existente (6 semanas);
  • Auditoria de segurança da testbed (5 semanas);
  • Definição do plano de validação preliminar, focada nos requisitos (4 semanas);
  • Documentação e Escrita de relatório com os resultados obtidos (3 semanas).

Financiamento: Receitas Próprias.


Destinatários da (s) bolsa (s): Licenciados em Engenharia Informática ou em áreas similares.


Local de realização da (s) Bolsa (s): Departamento de Engenharia Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.


Duração da (s) Bolsa (s): seis meses.


Renovação: Eventualmente renovável por iguais periodos, até ao final do prazo de execução do projecto.


Orientação Científica: Professor Doutor Paulo Alexandre Ferreira Simões.


Condições Financeiras da Bolsa: A bolsa ascende a ? 752,38 correspondente ao subsídio mensal de manutenção estipulado na tabela FCT (https://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores). Este subsídio mensal será pago no final do mês, por transferência bancária (A este valor acresce o seguro social voluntário correspondente ao primeiro escalão, caso o candidato opte pela sua atribuição, bem como o seguro de acidentes pessoais). O valor da bolsa não aumentará ao longo de todo o período da sua duração.


Regime de Atividade: A atribuição da bolsa não gera nem titula uma relação de natureza jurídico-laboral, é exercida em regime de dedicação exclusiva. É atribuído ao Bolseiro o Estatuto de Bolseiro da UC, conforme disposto no Estatuto do Bolseiro de Investigação, e no Regulamento de Bolsas de Investigação da Universidade de Coimbra, ambos na sua redação atual.


Método (s) de seleção: Análise Curricular e Entrevista.


Critérios de seleção e atribuição:

  • Análise Curricular (70%)
  • Média de licenciatura (20%)
  • Adequação do CV ao plano de trabalhos (50%)

  • Entrevista (30%)
  • Demonstração de interesse pelo desenvolvimento de investigação na área de segurança de redes e ambientes IoT (20%)
  • Motivação (10%).

Formalização da candidatura: As candidaturas devem ser formalizadas através do envio de: Curriculum Vitae detalhado e cópia de certificado de licenciatura.

Os candidatos com graus académicos obtidos no estrangeiro terão de apresentar Certidão de registo de reconhecimento de acordo com a legislação aplicável.


Envio da candidatura: As candidaturas deverão ser enviadas obrigatoriamente por e-mail para [email protected] e [email protected], indicando expressamente no e-mail de candidatura que se candidata a bolsa MOBIWISE - 594225.


Composição do júri de seleção: Professor Doutor Edmundo Heitor da Silva Monteiro, Professor Doutor Paulo Alexandre Ferreira Simões e Professor Doutor Tiago José dos Santos Martins da Cruz.


Prazo para formalização da candidatura: Entre 20/05/2019 e 31/05/2019.


Data de Publicitação: 17/05/2019.


Data limite de candidatura: 31/05/2019.


Informações complementares: Os resultados da avaliação serão divulgados até 30 dias úteis a contar da data limite de submissão de candidaturas, através de envio de comunicação aos candidatos, via correio eletrónico. Após a divulgação dos resultados, os candidatos serão notificados para, caso pretendam, se pronunciarem em sede de audiência prévia no prazo máximo de 10 dias úteis após aquela data. Findo este prazo, os candidatos selecionados terão que declarar, por escrito, a sua aceitação e comunicar a data do início efetivo da bolsa. Salvo apresentação de justificação atendível, a falta da declaração dentro do prazo referido equivale a renúncia à bolsa. Em caso de renúncia ou desistência do candidato selecionado, será notificado o candidato imediatamente melhor classificado.