Bolsa de Investigação - Mestre

Publicado 09 Fevereiro 2019

Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa

Lisboa (Educação / Formação)


EDITAL N.º 4/2019


BOLSA DE INVESTIGAÇÃO ? MESTRE


Aceitam-se candidaturas a uma Bolsa de Investigação a atribuir no âmbito do projeto de investigação SOFTPLAN - From Soft Planning to Territorial Design, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (referência PTDC/GES-URB/29170/2017), sob a coordenação no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa dos Doutores João Ferrão e João Mourato.


1 ? Legislação aplicável: Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterada e republicada pelo Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. ? 2012, Regulamento de Bolsas do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e Regulamento de Bolsas da Universidade de Lisboa.


2 ? Coordenação das atividades: Doutor João Mourato.


3 ? Duração da Bolsa: A bolsa terá a duração de 6 meses, eventualmente renovável por períodos iguais ou diferentes até ao máximo de 24 meses.


4 ? Montante da bolsa e modo de pagamento: ? 980, com pagamento mensal, por transferência bancária, de acordo com a tabela de valores das Bolsas de Investigação atribuídas pela FCT (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores.phtml.pt), estando também previsto o pagamento de seguro de acidentes pessoais e de seguro social voluntário.


5 ? Instituição de acolhimento: Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa.


6 ? Atividades a desenvolver: O bolseiro irá desenvolver atividades no âmbito do projeto acima identificado, incluindo: revisão de literatura, análise de documentos oficiais e legislação, realização de entrevistas, apoio na organização de workshops/focus groups, tratamento e análise de dados qualitativos, participação na redação de relatórios e publicações científicas e colaboração em atividades de disseminação pública de resultados. Quaisquer publicações decorrentes do projeto devem ser sempre previamente aprovadas pelo Investigador Responsável.


7 ? Requisitos de admissão:

Requisitos obrigatórios:

a) Grau de Mestre em Urbanismo, Planeamento e/ou Ordenamento do Território;

b) Experiência de ensino e/ou investigação em Ordenamento do Território e Políticas Públicas;

c) Conhecimento avançado da língua inglesa falada e escrita;

d) Disponibilidade imediata.

Requisitos preferenciais:

a) Publicações científicas nos domínios do Urbanismo, Planeamento e/ou Ordenamento do Território.


8 ? Publicitação e prazo de apresentação de candidaturas:

O presente Edital é publicitado no sítio do ICS-ULisboa e no Portal Eracareers, em conformidade com o n.º 2 do artigo 11.º do Regulamento de Bolsas do ICS-ULisboa. Nos termos das Normas da FCT, a receção de candidaturas inicia-se 10 dias após a publicitação do presente Edital no Portal Eracareers, decorrendo o prazo de candidaturas entre 25 de fevereiro e 8 de março de 2019.


9 ? Formalização das Candidaturas: As candidaturas deverão ser acompanhadas por uma Carta de Intenções, com indicação sintética das razões pelas quais se pretende candidatar e do contributo que pensa poder dar ao projeto (máximo: 1 página), cópias de Certificado/s de Habilitações e de elementos completos de identificação (ou, facultativamente, cópia do bilhete de identidade, cartão de cidadão ou passaporte).

10 ? Seleção: A seleção dos candidatos será efetuada por um júri constituído pelos Doutores João Ferrão, João Mourato e Alda Azevedo.

O processo de avaliação e seriação poderá decorrer em duas fases: a) avaliação curricular e b) entrevista.

A classificação da avaliação curricular baseia-se no Curriculum Vitae (70%) e na Carta de Intenções (30%).

Caso o júri opte por efetuar entrevistas, serão entrevistados os candidatos que obtenham nota positiva na avaliação curricular. Neste caso, a avaliação curricular valerá 75% da nota final e a entrevista 25%.

Caso o júri opte por não entrevistar os candidatos, a avaliação curricular corresponderá a 100% da avaliação dos candidatos.


11 ? Audiência prévia e notificação dos interessados: Concluída a avaliação, o júri elabora o projeto de decisão, o qual será notificado aos interessados por correio eletrónico, devendo a audiência prévia ser efetuada por escrito, no prazo de dez dias úteis a contar da notificação. Para o efeito, os candidatos podem solicitar o envio da ata por correio eletrónico ou proceder à consulta presencial dos documentos do procedimento no Instituto, durante as horas de expediente.


12 ? Morada de envio das candidaturas: As candidaturas deverão ser enviadas para o Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa (com a referência ?Concurso de Bolsas de Investigação n.º 4/2019?) para o endereço eletrónico [email protected] ou para a morada Avenida Professor Aníbal de Bettencourt, 9 ? 1600-189 LISBOA, devendo ser recebidas dentro do prazo acima referido. Caso as candidaturas sejam enviadas por correio eletrónico, os documentos supra indicados devem ser digitalizados para anexar ao processo.


13 ? Informações sobre o ICS ULisboa e as respetivas atividades encontram-se disponíveis em: www.ics.ulisboa.pt


Lisboa, 8 de fevereiro de 2019


A Diretora

Profª. Doutora Karin Wall