1 Bolsa de Investigação Pós

Publicado 14 Fevereiro 2020

BioISI ? Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas do(a) FCUL

Lisboa (Educação / Formação)


1 Bolsa de Investigação Pós-Doutoral


Na FCiências.ID ? Associação para a Investigação e Desenvolvimento de Ciências, encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa(s) de Investigação pós-doutoral (BIPD) no âmbito do projeto ?DysMut2 ? Characterization of Dysfunctional Mechanisms in Class II Mutations?, ?FARINH19I0?, financiado através da Cystic Fibrosis Foundation, nas seguintes condições:

  1. Área Científica: Bioquímica, Biologia Molecular e Celular
  2. Requisitos de admissão: Candidatos com Doutoramento em Bioquímica, Biologia ou áreas afins, obtido há menos de 3 anos à data do concurso. O plano de trabalhos deste concurso será realizado no Bioisi ? Ciências, que deverá ser entidade distinta de onde foram desenvolvidos os trabalhos de investigação que conduziram à atribuição do grau de doutor.
  3. Fatores preferenciais: Familiaridade com técnicas de Bioquímica e Biologia Molecular. Experiência relevante em técnicas de clonagem molecular, bioquímica de proteínas e cultura de células de mamífero.
    4. Plano de trabalhos: Produção e análise de linhas celulares brônquicas com expressão estável de variantes da proteína CFTR.
    5. Legislação e regulamentação aplicável: Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, na sua redação em vigor; Regulamento de Bolsas de Investigação da FCT, I. P., em vigor https://www.fct.pt/apoios/bolsas/docs/RegulamentoBolsasFCT2019.pdf)
    6. Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido no BioISI ? Instituto de Biossistemas e Ciências Integrativas do(a) FCUL, sob a orientação científica do(a) Professor(a)/Doutor(a) Carlos M Farinha.
  4. Duração da(s) bolsa(s): A bolsa terá a duração inicial de 3 meses, com início previsto em Março de 2020. O contrato de bolsa poderá ser eventualmente renovado até ao fim do projeto, de acordo com o estipulado no Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P.
  5. Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a ? 1600, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País. Os Bolseiros usufruirão de um seguro de acidentes pessoais e, caso não se encontrem abrangidos por qualquer regime de proteção social, podem assegurar o exercício do direito à segurança social mediante adesão ao regime do seguro social voluntário, nos termos previstos no Código dos Regimes Contributivos do Sistema Previdencial de Segurança Social. O valor da bolsa será pago mensalmente por transferência bancária.
  6. Métodos de seleção e respetiva valoração: Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes: Avaliação curricular (50%) e experiência na área de trabalho como definido em fatores preferenciais (50%). O júri poderá decidir realizar entrevistas aos candidatos mais bem classificados (neste caso, a entrevista terá uma classificação de 30% e a nota anterior de 70%).
    10. Composição do Júri de Seleção: Professor Doutor Carlos Miguel Farinha (Presidente do Júri), Professora Doutora Margarida Amaral (vogal), Doutor Luka Clarke (vogal), Professor Doutor Francisco Pinto (vogal suplente).
  7. Forma de publicitação/notificação dos resultados: todos os candidatos deverão ser notificados, por email enviado pelo requerente do concurso, com o envio da ata da reunião de seleção.
  8. Prazo de candidatura: O concurso encontra-se aberto no período de 14 de fevereiro de 2020 a 27 de fevereiro de 2020.
  9. Forma de apresentação das candidaturas: As candidaturas podem ser formalizadas, através de correio eletrónico para [email protected] acompanhadas dos seguintes documentos: a) Curriculum Vitae; b) Certificado de habilitações; c) Pelo menos duas cartas de recomendação, sendo uma delas ser do orientador de doutoramento e a segunda de outro investigador sénior sem ligação como orientador. d) Declaração de honra em como o candidato cumpre todos os requisitos de admissão deste concurso (modelo)
  10. Prazos e procedimentos de reclamação e recurso: Caso a decisão a tomar seja desfavorável à concessão da bolsa requerida, os candidatos têm um prazo de 10 dias úteis, após a data de divulgação dos resultados da avaliação, para se pronunciarem, querendo, em sede de audiência prévia, nos termos previstos no Código do Procedimento Administrativo. Da decisão final pode ser interposto recurso para o Conselho de Administração da FCiências.ID no prazo de 15 dias úteis após a respetiva notificação.
    NOTA 1: Os documentos comprovativos da titularidade de graus académicos ou diplomas, ou de inscrição em grau académico ou diploma, podem ser dispensados em fase de candidatura, sendo substituídos por declaração de honra do candidato, sendo obrigatório a verificação dessa condição em fase de contratualização da bolsa.
    NOTA 2: Salientamos que os graus académicos obtidos em países estrangeiros necessitam de reconhecimento por uma Instituição Portuguesa de acordo com o Decreto-lei nº. 66/2018, de 16 de agosto e a Portaria nº. 33/2019, de 25 de janeiro. A apresentação do reconhecimento é mandatória para a assinatura do contrato. Mais informação poderá ser obtida em: https://www.dges.gov.pt/pt/pagina/reconhecimento?plid=374. Em condições normais, a não entrega do reconhecimento do grau, no prazo de três meses a partir da data da comunicação da aprovação em sede de avaliação científica, implica a não concessão de bolsa.